segunda-feira, 27 de abril de 2015

BENEFÍCIOS DO WHEY PROTEIN PARA EMAGRECER

BENEFÍCIOS DO WHEY PROTEIN PARA EMAGRECER

Whey Protein
Bom dia! Muitos me perguntam se o uso do Whey protein para emagrecer, ou se o Whey engorda. Resolvi então publicar este artigo para explicar em detalhes e em uma linguagem fácil o que é este suplemento, como ele funciona no organismo seus benefícios e como usá-lo para emagrecer. O fato é que o Whey protein ajuda a emagrecer se utilizado da maneira correta, vamos conferir os detalhes?

O QUE É WHEY PROTEIN
Whey protein é a proteína do soro de leite, ou seja, é aquele líquido transparente que sobra quando o leite coagula na produção do queijo. Este líquido é transformado em pó e comercializado como um suplemento proteico de rápida absorção.

OS TIPOS DE WHEY

  • Whey Protein Concentrado: Existem bons Whey Concentrados, mas devemos tomar um cuidado com o que se compra, porque existem vários no mercado com qualidade péssima, principalmente porque o Concentrado pode fornecer de 29 a 89% de proteína, dependendo do tipo e da qualidade. Quanto menor for a parcela de proteína concentrada, maior será a quantidade de gordura e lactose. É mais utilizado em Receitas porque tem baixo custo. Não é indicado para intolerantes à lactose. É a forma mais barata de Whey, rica em aminoácidos essenciais e de cadeia ramificada, permindo consequentemente a liberação de componentes bioativos responsáveis pelo crescimento muscular e recuperação.
  • Whey Protein Isolado: Conhecido pela sua pureza, por conter aproximadamente 90%+ de proteína em sua composição. Como se isto não bastasse, a maioria dos Wheys Isoladas são 0% de gordura e com menos de 1% de lactose, sendo assim a minha indicação para quem é intolerante à lactose. Possui todas as vitaminas e mineras do leite, além de todos aminoácidos essenciais e não essenciais. Sua digestão é considerada excelente.
  • Whey Protein Hidrolisado: Este tipo de Whey possui as cadeias de proteínas quebradas em menores segmentos, os peptídeos, tornando-o mais fácil e rápido ainda de ser digerido. Pode conter traços de gordura, carboidratos e minerais. Necessita de muitos litros de leite para ser confeccionado, o que eleva seu custo.

ENTENDENDO AS PROTEÍNAS E O WHEY

O Whey protein é um dos mais famosos suplementos alimentares comercializados e ingeridos no mundo fitness por ser considerado uma proteína completa de alto valor biológico e rápida absorção. Mas o que isto significa? Vamos lá..
Quando comemos uma fonte de proteína, nosso corpo utiliza 20 aminoácidos, que são os componentes que formam as proteínas, para reparar os ossos, músculos, órgãos e praticamente todos os tecidos do corpo humano. Quando uma fonte de proteína possui 9 aminoácidos essenciais, que são os aminoácidos que o nosso corpo só consegue obter a partir de alimentos, esta fonte de proteína é considerada uma proteína completa.

PROTEÍNAS COMPLETAS

Alimentos como carnes, laticínios, ovos e alguns vegetais como quinoa são proteínas completas. Por outro lado, a maioria dos legumes, arroz e amidos em geral não são proteínas completas justamente porque falta um ou mais dos aminoácidos essenciais em seus compostos químicos.

TAXA DE ABSORÇÃO, VALOR BIOLÓGICO

Outro fator importante além dos aminoácidos é a sua taxa de absorção pelo organismo, pois isto pode variar. É disto que trata o valor biológico das proteínas. O Whey protein possui a maior pontuação possível em termos de valor biológico.
Isto significa então que a proteína de soro de leite contém todos os aminoácidos necessários para ser considerada uma proteína completa e é muito facilmente absorvida pelo nosso corpo. Justamente por isto o Whey é geralmente utilizado com um pós-treino pelos atletas no lugar de outras proteínas completas.

BENEFÍCIOS DO WHEY PROTEIN

HIPERTROFIA E A FORÇA

Diversos estudos científicos apontam a ligação do consumo do Whey Protein com a construção muscular e aumento de força. A grande verdade é que para construir músculos, você precisa de um “balanço proteico positivo.” Isso significa que a síntese de proteínas do seu corpo precisa ser maior do que a destruição do músculo causada pelo exercício. Caso contrário você irá catabolisar seus musculos e perder massa magra.

REDUÇÃO DO APETITE

O Whey pode ajudar a reduzir a fome. Pesquisadores australianos fizeram um teste com 28 homens obesos que consumiram quatro tipos de bebidas diferentes. Aqueles que consumiram uma bebida contendo 50 gramas de soro de leite reduziram significativamente seus níveis de grelina (um hormônio que diz ao seu cérebro que você está com fome) até quatro horas depois.

MELHORA O SISTEMA IMUNOLÓGICO

Você anda com a imunidade em baixa? Pesquisadores descobriram que pessoas do sexo masculino envolvidos na atividade aeróbica intensa sofreram uma redução significativa dos níveis de glutationa, que pode impactar em questões no sistemas nervoso, gastrointestinal e imunológico. Eles também descobriram que a suplementação com a proteína de soro de leite os participantes tiveram uma redução na queda dos níveis de glutationa. Ou seja, se você é como eu que gosta de fazer algumas sessões de cardio prolongadas mas não quer correr o risco de uma queda na imunidade, o whey pode ser uma boa!

DIMINUIÇÃO DO STRESS

Como anda seu stress? Alguns estudos realizados na Holanda descobriram que pessoas que consumiram proteína de soro de leite apresentaram menos sintomas de depressão e com um humor melhor do que aqueles que não o fizeram.

MUITO MAIS

Existem muitos estudos que apontam para diversos outros benefícios do Whey protein, como a diminuição dos sintomas de HIV, diminuição nos triglicerídeos, diminuição do colesterol total e aumento do HDL (colesterol bom), auxilia no tratamento de câncer, Ação antioxidante, etc.

WHEY PROTEIN PARA EMAGRECER, COMO ISSO FUNCIONA?
Uma das perguntas que mais me fazem sobre meu processo de emagrecimento, é se eu usei o Whey Protein para emagrecer. Quando respondo que sim, algumas pessoas tem retrucado e perguntado se o Whey não engorda. O fato é que se você não faz exercícios regulares e simplesmente adiciona o whey na sua alimentação irá engordar sim, sério? Sério! Isto porque não há nenhuma maneira de fazer a proteína de soro de leite se transformar em músculo como em um passe de mágicas. Neste caso seu corpo vai fazer o que ele faz com todo excesso de nutrientes: Gordura!

A ESTREITA RELAÇÃO DO WHEY PROTEIN COM A MASSA MAGRA E O EMAGRECIMENTO

Em um estudo financiado por um fabricante de proteína de soro de leite, as pessoas clinicamente obesas que usaram proteínas do soro, como parte de um programa de reedução alimentar com baixa de calorias perderam a mesma quantidade de peso comparado com as pessoas que cortaram o mesmo número de calorias, mas não usaram o Whey.
A grande sacada é que a diferença estava no tipo de peso que perderam. As pessoas que usaram whey protein perderam gordura, não músculo. É justamente a gordura que as pessoas querem perder e é por isto que o peso não é uma boa medida de comparação. Para saber mais sobre este assunto você deve ler nosso artigo Quer perder peso (emagrecer)? Fuja da Balança!
A massa magra é muito importande no processo de emagrecimento, quanto maior nosso % de massa magra, ou seja de músculos, maior é também a nossa taxa de metabolismo basal. A taxa de metabolismo basal indica a quantidade de calorias ou que o corpo necessita em vinte e quatro horas, mantendo-se em permanente repouso. Sendo assim, se o Whey Protein ajuda na construção muscular, ajudará também na perda de gordura!
Em resumo, a massa magra é um tecido altamente ativo, que gasta calorias para se manter vivo ao contrário das gorduras que são um peso morto. Sem musculatura e um bom perfil hormonal, você estará lutando uma batalha difícil e desfavorável. Saiba mais sobre a importância dos treinos de gorça no emagrecimento em Quer perder peso (Emagrecer)? Faça treinos de força!
Seus níveis hormonais podem mudar usando Whey Protein, melhorando a capacidade do seu corpo em regular o seu próprio peso. Saiba mais em Faça seus hormônios trabalharem a seu favor no emagrecimento

AS PROTEÍNAS E SEU EFEITO TÉRMICO

Conforme explicamos em detalhes no artigo 8 alimentos termogênicos para emagrecer, o efeito térmico dos alimentos é o tipo de termogênese relacionado com o gasto calórico do nosso organismo para processar e armazenar o que comemos. Em outras palavras é a energia usada na digestão, absorção e distribuição dos nutrientes que ingerimos. As proteínas tem o maior efeito térmico, cerca de até 30% das calorias ingeridas da proteína são queimadas no processo de digestão.

A MINHA ESTRATÉGIA USANDO WHEY PROTEIN PARA EMAGRECER

Estudei e ainda estudo muito sobre o emagrecimento, pois precisei mudar completamente meus hábitos para ter um estilo de vida com mais qualidade e um corpo saudável. Estas filosofias são o resultado destes estudos, e são as minhas próprias conclusões, sempre procure um aconselhamento médico ou nutricionista pois o que é bom para o meu corpo pode não ser para o seu, ok?!

WHEY NÃO É UM SUBSTITUTO DE REFEIÇÃO

Existem muitos produtos a base de Whey Protein que são vendidos como substitutos de refeição, estas porcarias nunca conseguirão ter a qualidade nutricional do que uma refeição sólida natural e balanceada!
Muitas empresas ainda usam produtos a base de whey como uma estratégia de marketing multi-nível com preços absurdamente caros com o argumento de que substituem uma refeição, eles te dão uns chás diuréticos e shakes a base de whey (rsrsrs). Neste caso o leigo compara seu almoço de R$20,00 com o preço de um shake de R$10,00 e acredita estar fazendo um bom negócio para o bolso e para seu emagrecimento, enganação total! Isso é um assalto a mão armada no seu bolso e na sua saúde, não caia nesta roubada!
Não tenho dedos suficientes nas mãos e nos pés para contar o número de amigos e conhecidos que substituiam uma de suas principais refeições por estes shakes, os que não me confessaram que tiveram problemas com seus exames de sangue, com certeza é porque tiveram vergonha da verdade.

MÁXIMO DE PROTEÍNAS NATURAIS POSSÍVEL

Sou completamente favorável a alimentos naturais, utilizo o mínimo possível de alimentos industrializados nas minhas refeições, pois geralmente tem alguma porcaria envolvida neste processo industrial. Como não vivemos em fazendas auto suficientes, temos ainda que recorrer aos industrializados, mesmo que em quantidade reduzida.
Existem muitas fontes de proteínas que podem ser usadas na alimentação, como:
  • Peito de frango
  • Perú
  • Cortes magros de carne vermelha como o Patinho
  • Ovos
  • Frutos do Mar como o Marisco
  • Avelãs
  • Nozes
  • Pistache
  • Manteiga de amendoim natural

TODA REFEIÇÃO COM UMA PROTEÍNA DE QUALIDADE

Todas as minhas refeições, inclusive os lanches da manhã e da tarde, possuem algum tipo de proteína. A nutricionista Adriana Kabayashi, sócia da rede Equilibrium Healthy Food, em São Paulo, falou em entrevista à revista BOA FORMA que a proteína combinada com uma fonte de carboidrato, também deixa os lanches entre as refeições principais balanceados, saciando mais e engordando menos. “Isso acontece porque a proteína reduz o índice glicêmico do carboidrato, fazendo com que o açúcar resultante desse nutriente passe a ser absorvido de maneira gradual” – Disse Adriana. Eu realmente acredito nela e sigo esta filosofia a risca!
Se você quiser entender melhor o conceito de índice glicêmico, que é importantíssimo para emagrecer, recomendo a leitura de [Conceitos] Entenda de Índice Glicêmico para emagrecer
Acesse também nossa seção de Receitas, temos várias receitas proteicas que podem te ajudar!

QUAL WHEY PROTEIN EU USO PARA EMAGRECER

Você deve estar pensando que eu tomo o Whey hidrolisado, pois tem uma melhor qualidade certo?Errado! 
Eu tomo um Whey concentrado ou composto isolado+concentrado, pois a relação do custo em reais por grama de proteína é melhor e não preciso que esteja completamente isolado de carboidratos ou gordura. Se você não é um atleta de alto rendimento, não deixe ser enganado pela indústria do suplemento, você também não precisa!

PARA RECEITAS COM WHEY

Você não precisa gastar dinheiro em um whey isolado ou hidrolisado para as receitas não é mesmo? Eu geralmente uso o Pro Whey ProbióticaHiper Whey ProbióticaWhey Micellar Probiótica ou algum similar.

fonte: www.docedieta.com

19 dicas de experts top para emagrecer e definir


19 dicas de experts top para emagrecer e definir

Direto dos calçadões cariocas, um time de experts responsáveis pelas curvas de celebridades, revela os segredos dos treinos de alguns dos corpos mais invejados do país
Esquadrão carioca































































Eles são durões. E não poderia ser diferente, afinal, são responsáveis por deixar impecáveis o corpo das celebridades, sempre na mira dos paparazzi e alvo de inspiração de milhares de pessoas.Para saber os bastidores desses treinos, BOA FORMA escalou um time de craques para revelar os segredos valiosos de suas alunas famosas. Marcos Viana, que fez Giovanna Antonelli aderir ao crossfit; Chico Salgado, o responsável pelas curvas irretocáveis de Giovanna Ewbank, Grazi Massafera e Sabrina Sato; Rafael Lund, que orienta os treinos de Deborah Secco e Flávia Alessandra; Alice Miranda e Flávia Coutinho, escaladas por Isis Valverde para manter o shape em dia; Patrícia Marinho, profissional que orienta Fátima Bernardes; Fábio Zargalio, nome por trás das séries de Tainá Müller; e Bruno d’Orleans, personal da noiva em forma Fernanda Souza, deram dicas valiosas e exclusivas para conquistar definitivamente o corpo dos seus sonhos. 

PARA EMAGRECER

1. O emagrecimento saudável é fruto de uma dieta orientada e atividade física regular. Treinos com intensidade entre média e alta, no mínimo por 40 min diariamente, são  indicados por Patrícia Marinho para enxugar o corpo mais rápido. 
2. “Não passe longos períodos sem se alimentar. Isso reduz o metabolismo, pois o corpo se torna econômico para estocar energia e enfrentar longos períodos de privação alimentar, fazendo você engordar”, explica Alice Miranda. 
3. Ainda falando da alimentação, Marcos Viana é taxativo: “Coma alimentos não processados. Se o item passou por algum tipo de industrialização, corte da dieta”. 
4. Para não enjoar da atividade, Fábio Zargalio recomenda variar os estímulos. Alterne os dias de corrida e caminhada com bicicleta, dança, luta ou outro exercício aeróbico.
5. Se o condicionamento físico é bom, treine em dois períodos por dia, o máximo de vezes na semana que conseguir, e realize os exercícios de força antes do aeróbico. “Mas respeite o tempo de descanso de cerca de 48 horas para cada grupo muscular”, aconselha Fábio. 
6. Mesmo depois da aula, o personal pede que seus alunos continuem firmes na meta e sugere que procurem um nutricionista para descobrir as melhores opções de lanche antes e depois do treino. Afinal, um deslize pode pôr o esforço a perder.
7. Porém atenção! “Fuja de dietas muito restritivas”, avisa Alice. Elas deixam você sem energia para os exercícios e, quando o menu volta ao normal, a chance de recuperar o peso é alta. 
8. Aposte em atividades físicas de estímulos curtos e intensos, com períodos de recuperação. Essa estratégia tem se mostrado mais eficiente que atividades contínuas. 
9. Outra dica interessante lembrada por Bruno e Rafael são os HIITs (Treinamento Intervalado de Alta Intensidade), treinos bem fortes e de curta duração. São até 30 minutos de alto gasto calórico. Dá para aplicar esse tipo de exercício andando de bicicleta, pulando corda, nadando, dançando, correndo etc. Tente fazer de 1 a 2 minutos de movimentos leves para cada 30 a 60 segundos de exercícios de alta intensidade, ou 1 minuto de alta intensidade para cada 30 segundos de descanso. 
10. Em uma coisa, todos concordam: para não perder o pique, escolha uma atividade que dê prazer. Divertir-se enquanto malha é infalível para continuar rumo ao objetivo. 
11. Sempre que possível, opte por correr na areia. a resistência desse solo aumenta a intensidade do exercício e queima ainda mais calorias. 
12. Marcos Viana defende a modalidade que esculpiu Giovanna Antonelli. “Pratiquecrossfit. Em uma hora, você irá aquecer, fazer séries de força, exercícios de alta intensidade e alongamento. Ou seja, vai trabalhar o corpo todo.”

PARA DEFINIR
13. “A definição muscular só aparece quando eliminamos a camada de gordura corporal. Para atingir esse objetivo, o ideal é realizar trabalhos intervalados de cárdio com séries de força”, indica Patrícia Marinho. 

14. Fábio Zargalio sugere substituir os intervalos de descanso por abdominais variados e conquistar mais rápido os gominhos na barriga. 
15. “Para treinos com esse objetivo, gosto de trabalhar com cargas de 50 a 60% de 1RM (o peso máximo que conseguimos erguer apenas uma vez para determinado exercício). Eles visam não só trabalhar a força como também exigem muito da musculatura”, afirma Bruno d’Orleans. 
16. Uma reeducação alimentar prescrita por um bom nutricionista, voltada para esse objetivo, potencializa os resultados. 
17. Se sua modalidade preferida é o pilates, Flávia Coutinho garante que aulas no mínimo duas vezes por semana fazem você chegar lá. Tem que ter disciplina! 
18. “Fuja das séries convencionais, aquela receita de bolo de três séries com dez repetições. Variar os estímulos pode dar resultado mais rápido”, diz Marcos Viana. 
19. O professor de Giovanna Antonelli ainda incentiva os alunos a praticar exercícios funcionais sob alta intensidade para alcançar a definição corporal.

Encontre-nos no Facebook

Total de visualizações de página

Seguidores